New version available here: vedabase.io

VERSOS 8-9

naiva kiñcit karomīti
yukto manyeta tattva-vit
paśyañ śṛṇvan spṛśañ jighrann
aśnan gacchan svapan śvasan
pralapan visṛjan gṛhṇann
unmiṣan nimiṣann api
indriyāṇīndriyārtheṣu
vartanta iti dhārayan
Palavra por palavra: 
na — nunca; eva — decerto; kiñcit — coisa alguma; karomi — faço; iti — assim; yuktaḥ — ocupada em consciência divina; manyeta — pensa; tattva-vit — a pessoa que conhece a verdade; paśyan — vendo; śṛṇvan — ouvindo; spṛśan — tocando; jighran — cheirando; aśnan — comendo; gacchan — indo; svapan — sonhando; śvasan — respirando; pralapan — conversando; visṛjan — abandonando; gṛhṇan — aceitando; unmiṣan — abrindo; nimiṣan — fechando; api — apesar de; indriyāṇi — os sentidos; indriya-artheṣu — em gozo dos sentidos; vartante — que eles se ocupem assim; iti — desse modo; dhārayan — considerando.
Tradução: 
Embora ocupado em ver, ouvir, tocar, cheirar, comer, locomover-se, dormir e respirar, quem tem consciência divina, sempre sabe dentro de si, que na verdade não faz absolutamente nada. Porque enquanto fala, evacua, recebe, ou abre e fecha os olhos, ele sempre sabe que só os sentidos materiais estão ocupados com seus objetos ao passo que ele é distinto de tudo.
Significado: 

SIGNIFICADO Quem é consciente de Kṛṣṇa é puro em sua existência e, por conseguinte, nada tem a ver com nenhum trabalho que dependa das cinco causas imediatas e remotas: o autor da ação, o trabalho, a situação, o esforço e a sorte. Isto se deve ao fato de ele ocupar-se no serviço transcendental amoroso a Kṛṣṇa. Embora pareça estar agindo com seu corpo e sentidos, ele sempre reconhece que sua verdadeira posição é ocupar-se em atividades espirituais. Na consciência material, os sentidos estão ocupados no gozo dos sentidos, mas na consciência de Kṛṣṇa os sentidos estão ocupados na satisfação dos sentidos de Kṛṣṇa. Portanto, quem está em consciência de Kṛṣṇa sempre está livre, embora pareça ocupado em afazeres ligados aos sentidos. Atividades, tais como ver e ouvir, são ações dos sentidos destinadas a receber conhecimento, ao passo que mover-se, falar, evacuar, etc., são ações funcionais dos sentidos. O devoto consciente de Kṛṣṇa jamais se deixa afetar pelas ações dos sentidos. Ele só pode executar atos no serviço do Senhor porque sabe que é um servo eterno do Senhor.